"Ainda não estão criadas as condições sanitárias para a retoma do futebol no Fogo" - Presidente do Nô-Píntcha

22 de janeiro de 2021

A+ A-

O Presidente do Nô-Píntcha dos Mosteiros afirma que ainda não estão criadas as condições sanitárias para a retoma do futebol na ilha do Fogo. Enquanto técnico e profissional de saúde, Sidónio Monteiro diz ter grandes preocupações sobre o início das competições regionais.

Perante a real situação sanitária do país e em particular da ilha do Fogo, os clubes de futebol estão induzidos a correr um risco desnecessário. O alerta é do Sidónio Monteiro, Presidente do Nô-Píntcha Futebol Clube.

Sidónio Monteiro diz que os clubes estão quase que forçados a participarem nos campeonatos regionais.

O dirigente máximo do Nô-Píntcha entende que há interesses outros por detrás desta pressão exercida sobre os clubes para a retoma das competições.

Enquanto técnico e profissional de saúde, Sidónio Monteiro desaconselha a realização de campeonatos de futebol a curto prazo nas ilhas de São Vicente, Santiago e Fogo.

Sidónio Monteiro vai mais longe e diz que o país não tem condições em termos de equipamentos, de materiais e de profissionais suficientes para realização de testes de despistagem de Covid-19 aos jogadores de futebol.

Por estas razões o Presidente do Nô-Píntcha entende que ainda não estão criadas condições para a retoma do futebol na ilha do Fogo.

Nilton Pires / RCV

Reportagem RCV com jornalista Nilton Pires


Artigos Relacionados