Cabo Verde ocupa a 4ª posição no ranking de melhores promotores dos direitos das mulheres em África

16 de março de 2021

Rosana Almeida, presidente do ICIEG
A+ A-

Cabo Verde ocupa a 4ª posição no ranking da classificação africana dos melhores promotores dos direitos das mulheres. A lista acaba de ser publicada pelo Banco Mundial e o país está na posição 86. Uma pontuação recebida pela Presidente do ICIEG como uma prenda neste março Mês da Mulher e desafia o país a apostar em áreas vitais como a formalização do setor informal.

Rosana Almeida que participa na 65ª reunião da ONU sobre o Estatuto da Mulher defende a colocação das mulheres no centro das decisões. 

E pelas mulheres são distinguidos os melhores países promotores dos seus direitos. Na lista, Cabo Verde aparece no quarto lugar com 86, 3 pontos depois das ilhas Maurícias, África do Sul e Zimbabwe. Uma classificação recebida com entusiasmo pela Presidente do ICIEG.